segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Lula diz que presidentes anteriores fizeram pouco pela educação


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda-feira (25) que em seu governo a educação avançou para um novo patamar e declarou que em termos gerais o país vive um momento privilegiado. O presidente participou da cerimônia de entrega do prêmio educador do ano de 2009 concedido ao ministro da Educação, Fernando Haddad, pela Academia Brasileira de Educação.

- O Brasil vive uma situação privilegiada. Nunca na história esse povo esteve com a auto-estima tão elevada. Nunca vi o povo brasileiro acreditar tanto em si quanto agora. Não temos o direito de fracassar.

Lula voltou a criticar governos anteriores que, segundo ele, deixaram a educação em segundo plano.

- O problema do Brasil é que presidentes da República ficaram mandatos inteiros sem construir uma universidade pública ou uma escola técnica. O Brasil estava atrofiado economicamente e na educação. O Brasil nunca mais voltará a pensar pequeno na educação como pensou décadas e décadas... Acabamos com a palavra gasto em educação. É investimento. Mudou-se o patamar da educação no Brasil.

Ainda nesta segunda, Lula participa ainda de dois eventos em obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento)।

Durante a premiação, Lula destacou realizações do ministro, principalmente no que diz respeito ao ProUni (Programa Universidade Para Todos):

- Antes do ProUni, não sei se teve houve pobre fazendo universidade no Brasil. Fernando Haddad é uma pessoa que não tem nenhuma tese pronta na cabeça, que permite que os que sabem mais falem.

Ainda nesta segunda, Lula participa ainda de dois eventos em obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

0 comentários:

brigadeirofontenelle@hotmail.com
Rua São Domingos, s/n° - Terra Firme Belém - Pará